Bem-vindo!  01/09/2014 - 15:33h.

          Notícias
Academia - Esporte
Alimentacao
Animais
Automoveis
Beleza - Estetica
Casa - Decoracao
Comunicacao e Telefonia
Condominio - NOVO
Diversao - Cultura
Empregos
Escolas - Cursos
Festas - Eventos
Financeiras - Credito
Flores - Cestas
Fones e Sites Uteis
Fotos
Hotel - Hospedagem
Imoveis
Industria e Comercio *
Infantil - Festa
Informatica e Games
Jornais e Revistas
Moda e Acessorios
Moto
Radios On Line
Saude e Medicina
Shopping Centers
Transporte e Logistica
Turismo - Viagem
 
Kassab inspeciona instalações de nova escola construída no Tremembé, Zona Norte - 5/2/2009


Nova unidade receberá 1.260 alunos
 
A comunidade do Jardim Flor de Maio, no distrito de Tremembé, na região de Jaçanã, Zona Norte, ganha no início deste ano letivo uma nova unidade educacional. A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jardim Fontális teve suas instalações vistoriadas pelo prefeito Gilberto Kassab nesta quarta-feira (4). Com as obras já concluídas, a nova unidade começa a ser equipada para receber 1.260 alunos para o início das aulas deste ano. A nova escola, há muito esperada pela comunidade do bairro, possibilitará a eliminação do terceiro turno em duas outras unidades da região. Hoje, apenas 12% das EMEFs da rede municipal mantêm o terceiro turno. Em 2005, 75% delas tinham o período intermediário de aulas.

"É mais uma unidade que estamos concluindo para que os alunos possam iniciar as aulas em melhores condições. Mais importante é que, nesta região, vai ser possível eliminar o terceiro turno de duas outras escolas", disse o prefeito. Kassab destacou que na região da Zona Norte (Coordenadoria Regional do Jaçanã/Tremembé) não existe mais nenhuma escola com três turnos diurnos.

A construção do prédio da EMEF Jardim Fontális, iniciada em setembro de 2007, foi executada pelo Departamento de Edificações (Edif) da Secretaria Municipal de Infra-Estrutura Urbana e Obras. Com três pavimentos, o prédio abriga 17 salas de aula, laboratório de ciências, sala de informática, refeitório, cozinha, dependências administrativas, sala dos professores e biblioteca. O prédio é dotado de acessibilidade para pessoas com deficiências. Na parte externa, o espaço foi planejado para práticas de lazer, com duas quadras, uma poliesportiva e uma de voleibol.

Quando entrar em funcionamento, EMEF Jardim Fontális, localizada na rua Crisântemo, 100, no Jardim Flor de Maio, ajudará a eliminar o terceiro turno da EMEF Hipólito José da Costa, que chegou a funcionar com 84 salas de aula, e da EMEF Coronel Hélio Franco Chaves. As matrículas já começaram a ser feitas.

A meta da Prefeitura é eliminar o terceiro turno. Em 2005, eram 330 escolas com aulas no terceiro turno. Atualmente, são 69 escolas em que os alunos estudam no chamado "turno da fome", das 11h às 15h. Com a entrega de novas escolas e a ampliação de outras, a idéia é eliminar esse turno até meados do próximo ano letivo, segundo o secretário municipal de Educação, Alexandre Schneider. "Esperamos reduzir para 42 escolas até a metade deste ano e atingir a meta até meados do próximo ano", destaca. O secretário explica que no período normal, com apenas dois turnos diurnos, a criança fica uma hora mais na escola, o que representa mais dois anos na formação.

Acompanharam o prefeito os secretários Alexandre Schneider (Educação) e Marcelo Cardinale Branco (Infra-Estrutura Urbana e Obras), o secretário-adjunto de Coordenação de Subprefeituras, Ronaldo Camargo, e o subprefeito de Jaçanã/Tremembé, José Alcides Faneco.

FOTOS:Luiz Guadagnoli/Secom

SECOM - Prefeitura da Cidade de São Paulo





Indice de noticias



Inserir | Excluir
E-Mail:
Senha: